Você sabe a diferença em procurar um posto de saúde, UPA ou hospital? Serviço de urgência e emergência funciona 24 horas por dia, nos sete dias da semana.

Assessoria / Isac

01 jan 2022 - 06:00


Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

Depois de uma semana com febre alta, Maria Aparecida decidiu consultar um médico. Porém, ela teve dúvida sobre onde deveria buscar atendimento. Seria no posto de saúde, na UPA – Unidade de Pronto Atendimento ou no hospital?

O personagem da história é fictício, mas a dúvida é real para muitos usuários do SUS – Sistema Único de Saúde. A desinformação sobre os serviços de saúde pode causar problemas como o atraso no início do tratamento e a sobrecarga na rede de referência e contrarreferência. 

Por outro lado, quando o usuário recebe atendimento no local adequado, o acompanhamento é feito de forma mais efetiva e há a otimização dos serviços de urgência e emergência.

Nas UPAs Trapiche da Barra e Benedito Bentes, em Alagoas, o assunto é sempre tema de conversa com quem chega às unidades. Lá, enquanto os usuários aguardam a chamada para a consulta médica ou exame, os profissionais aproveitam para orientar sobre como funcionam as UPAs e os demais serviços de saúde.

Segundo Sandra Gico, diretora técnica das duas unidades de urgência e emergência, a educação em saúde é fundamental para fortalecer o SUS e garantir uma assistência de excelência à população.

“A educação continuada da população é o melhor caminho para que os pacientes busquem os serviços de forma adequada, considerando as queixas clínicas e o grau de complexidade de cada caso, o que exige esforço e persistência de todos nós”, comenta a médica.

As unidades Trapiche da Barra e Benedito Bentes são custeadas pela Prefeitura de Maceió e gerenciadas pelo ISAC – Instituto Saúde e Cidadania.

Como funcionam as UPAs?

As UPAs são unidades de urgência e emergência que atendem casos de média complexidade. Por terem mais recursos tecnológicos que os postos de saúde, elas funcionam como um meio-termo entre as UBS – Unidades Básicas de Saúde e os hospitais.

Nas UPAs Trapiche da Barra e Benedito Bentes, são ofertados atendimentos nas especialidades de Clínica Geral, Pediatria, Ortopedia e Odontologia.

O atendimento é disponibilizado 24 horas por dia, inclusive nos fins de semana, a usuários que procuram espontaneamente a unidade ou são encaminhados por outros serviços da rede, como o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

O serviço odontológico funciona com horário diferenciado das demais especialidades. Ele é feito de segunda a sábado, das 7h às 19h.  

Complexidade

O atendimento nas UPAs depende do nível de complexidade. As UPAs fazem o primeiro atendimento, estabilizam o quadro clínico do paciente e, se for preciso internação ou procedimento cirúrgico, encaminham o usuário para uma unidade de saúde de alta complexidade.

Qual a diferença entre posto de saúde, UPA e hospital?

As Unidades Básicas de Saúde, ou postos de saúde, realizam atendimento de rotina, como consulta e acompanhamento médico, vacinação, pré-natal, curativo, retirada de pontos, troca de sonda e testes rápidos.

As UPAs atendem casos de urgência e emergência de média complexidade. Elas funcionam 24 horas por dia, nos sete dias da semana, e contam com leito de observação.

Quando os pacientes precisam de internação ou atendimento médico especializado, de média e alta complexidades, inclusive de urgência, são atendidos pela rede hospitalar. 

Quando buscar atendimento na UPA?

O usuário deve ir à Unidade de Pronto Atendimento em situações como:

– Parada cardiorrespiratória;

– AVC – Acidente Vascular Cerebral ou derrame;

– Infarto (dor no peito);

– Febre acima de 39 graus;

– Falta de ar intensa;

– Picada ou mordida de animais venenosos;

– Intoxicações;

– Acidente de carro ou moto;

– Ferimento por arma branca;

– Queimaduras;

– Politrauma (fraturas).

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.