“Venho implorar que fiquem em casa”, diz médico da Santa Casa de Maceió “A gente não vai conseguir atender a todos se continuar nesse ritmo”, diz médico da Santa Casa de Maceió

30 abr 2020 - 11:00

Dr. Artur Gomes Neto, diretor médico da Santa Casa de Misericórdia de Maceió (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

O diretor médico da Santa Casa de Misericórdia de Maceió, Artur Gomes Neto, divulgou mais um vídeo nas redes sociais em um novo apelo à população de Alagoas. Ele alerta para risco iminente de colapso do sistema de saúde por conta da Covid-19.

O especialista relembra o último aviso. “Há 10 dias eu falava a respeito da possibilidade de colapso no sistema de atendimento aos paciente com coronavírus, pois bem, a situação agora é muito grave”, ressaltou Gomes Neto, ainda citando o boletim divulgado pela Sesau.

O médico também chamou a atenção para a crescente ocupação dos leitos da unidade particular. Ele fala que atualmente a Santa Casa está com 62 pacientes internados, 23 deles na UTI, em estado grave.

“Estamos chegando ao nosso limite. Por isso, eu venho aqui, mais uma vez, não pedir, mas implorar para que fiquem em casa, usem máscaras, evitem sair nas ruas e cuidem da higiene pessoal para que um número menor de pessoas possam ficar doentes. A gente não vai conseguir atender a todos se continuarmos nesse ritmo. A gente depende de vocês. Fiquem em casa”.

Veja abaixo o vídeo feito pelo médico da Santa Casa de Maceió

 

Por Lucas Malta / Da Redação

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.