Sobre Sandra Bezerra

Sanda Bezerra Silva é sócia-proprietária da Empresa SAUB Odontologia - Consultórios Integrados, situada em Olho d'Água das Flores, município que nasceu e reside. É integrante da ONG Dentista do Bem e Coordenadora Regional do Projeto em sua terra. Já foi agraciada pela Comenda Ângelo de Abreu por serviços voluntários prestados à comunidade. É Coordenadora Voluntária de Doutrina e Comunicação do Centro Espírita Eurípedes Barsanulfo, também em solo sertanejo.


Santa Cerveja!

27 julho 2019


Santo Arnulfo de Metz (Fonte: Enciclopédia Católica)

Mas que história é essa de que existe um Santo Patrono dos Cervejeiros? Será verdadeira essa conversa?

Fomos pesquisar, e não é que é verdade? O nome dele é Santo Arnulfo de Metz. 

Arnulfo nasceu na Áustria e vivenciou a época de cerveja de excelente qualidade, fabricada no país. Depois, já adulto e seguindo a carreira religiosa, foi ordenado Bispo em Metz, na França, quando a região foi acometida pela peste, contaminando a água de consumo e o adoecimento da população com muitos casos de morte pela ingestão daquela água.

Lembrou então, que durante o preparo da cerveja, a fervura exterminava as bactérias, passou a estimular que as pessoas tomassem cerveja e não água. Isso salvou muitas vidas.

É bom lembrar, que o Bispo Arnulfo não recomendava o consumo excessivo, a embriaguez. Era para saciar a sede. 

Abrindo um adendo, certamente, se ele recomendasse a fervura da água de consumo, uma saída viável, não seria tão bem aceito, devido ao descrédito popular a respeito de microrganismos patogênicos que trazem malefícios a saúde, nos tempos atuais ainda existe um grau de dificuldade enorme, imaginemos no século 6… 

Tempos depois, já idoso, transferiu-se para um mosteiro, em Remiremont, também França, falecendo e sendo enterrado lá. Um ano depois, cidadãos de Metz solicitaram a exumação do corpo para enterrá-lo na igreja da cidade que tanto ajudou e amou. Receberam a autorização.

Durante o trajeto no retorno para Metz, os fiéis exaustos, pararam em uma estalagem para comprar cerveja para abastecer o grupo, durante o restante do trajeto, e tiveram a desagradável notícia que só tinha uma cerveja, não daria para o consumo do grupo até a chegada à cidade, mas, mesmo assim, compraram a cerveja e seguiram viagem.

A parte fantástica da história, e essa é contada com H mesmo, é que a cerveja não acabou até que o grupo chegasse a Metz, sendo atribuído esse feito ao Bispo Arnulfo. A Igreja Católica Romana reconheceu este feito como milagre e canonizou Arnulfo como Santo.

Como no dia 18/07 é comemorado o dia de Santo Arnulfo de Metz, Padroeiro dos Cervejeiros, convidamos o Mestre Cervejeiro Artesanal, José Curty, para nos contar sobre o processo de confecção da cerveja artesanal e sobre a curiosidade da Cervejaria High Hops estar instalada na cidade de Olho d’Água das Flores, sertão alagoano.

Mas, essa outra história você vai conhecer no YouTube, no nosso canal ELA. SANDRA BEZERRA,  acessando o link e degustando dessa deliciosa matéria.

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.