Prorrogação do Bolsa Estiagem beneficia 24 mil agricultores em Alagoas

06 nov 2012 - 14:57

Ilustração

O programa Bolsa Estiagem terá sete parcelas, e não apenas cinco, como estava previsto, no valor de R$ 80 cada uma. Com isso, o agricultor beneficiado vai receber, no total, R$ 560. O anúncio da prorrogação foi feito nesta segunda-feira (5) pela presidenta Dilma Rousseff, durante o programa semanal Café com a Presidenta.

A presidenta destacou que os agricultores cadastrados no Garantia Safra também vão receber ajuda extra do governo federal em razão da estiagem. Serão pagas duas parcelas a mais do benefício, cada uma no valor de R$ 136.

Em Alagoas, a prorrogação do Bolsa Estiagem beneficia 24 mil agricultores dos 36 municípios em situação de emergência por conta da estiagem. Ao todo, as duas parcelas extras representam R$ 3,84 milhões para o Estado, repassados diretamente aos agricultores, que recebem o benefício nas Casas Lotéricas ou agências da Caixa Econômica Federal com o cartão do Bolsa Família ou Cartão Cidadão.

Para o secretário de Estado da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário, José Marinho Júnior, o acréscimo de mais duas parcelas significa a garantia de renda para o pequeno produtor rural, que enfrenta dificuldades para levar suas atividades adiante.

“Outras ações estão em andamento para auxiliar a continuidade da produção, conforme entendimento do governador Teotonio Vilela, mas entendemos que a parcela do Bolsa Estiagem também é extremamente necessária para essas famílias”, frisou o secretário.

Segundo o coordenador da Sala de Situação do Comitê Integrado de Combate à Seca, Josival Almeida, o Bolsa Estiagem ameniza um pouco a situação dos produtores que tiveram sua plantação perdida ou que nem chegaram a plantar em virtude da seca.

Por Ascom Seagri

Comentários