Professor da Ufal é morto em tentativa de assalto na AL 130

08 jan 2012 - 08:25

Um bando de assaltantes, fortemente armados, em um veículo Toyota Corola, de cor prata, aterrorizou motoristas no inicio da noite deste sábado (7) em trechos da AL 130, rodovia que liga as cidades de Olho dÁgua das Flores e Santana do Ipanema. A ação dos criminosos acabou vitimando fatalmente um professor, que teve ferimentos graves e não resistiu.

Tentativas de Assaltos

Duas tentativas de assalto do grupo de bandidos foram registradas pela Policia Militar. A primeira ocorreu próximo ao trevo que dá acesso à cidade de Olivença, por volta das 18h. No momento em que os bandidos avistaram sua primeira vítima, o professor da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Sharlinton Harryson Barbosa da Silva, de 29 anos, deram sinal para que ele parasse, com a negativa os assaltantes começaram a atirar em seu veículo, um Chevrolet Corsa Classic, de cor preta e placa NLX 5773.

Um dos disparos acabou atingido o professor na cabeça, e fez com que ele perdesse o controle do carro, se deslocando para o acostamento. No automóvel são visíveis as marcas das balas. Pelo menos três balas podem ter atingido o motorista.

Assustados com a reação da vítima, o bando acabou desistindo do assalto e seguindo em direção a sua segunda vítima.

Sharlinton foi atendido pelo SAMU e encaminhado às pressas para o Hospital Regional Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo. Devido à gravidade dos ferimentos o mesmo foi transferido para a Unidade de Emergência do Agreste, em Arapiraca, mas acabou não resistindo aos ferimentos e horas mais tarde faleceu.

Segunda ação, mais uma frustração

Frustrados com a ação mal sucedida, os assaltantes seguiram em direção a uma estrada vicinal que dá acesso a cidade de Carneiros. No percurso encontraram sua segunda vítima, João Miguel da Silva, de 58 anos. O mesmo dirigia um Chevrolet Celta, de cor vermelha e placa NLV 6866, em companhia de esposa e filhos.

Diferente da primeira tentativa, os bandidos conseguiram convencer João Miguel a parar o veículo, mas para isso tiveram que atingi-lo com um tiro na mão. Segundo relatos à polícia, após ser rendido, a esposa de João Miguel chegou a ser colocada na mala do veículo dos assaltantes, enquanto o carro da vítima estava sendo levado por um dos assaltantes.

Porém, os bandidos tiveram mais uma surpresa desagradável, quando avistaram um carro vindo em sua direção, e já assustados com a primeira ocorrência o bando acabou desistindo também do segundo assalto, onde acabaram abandonando o veículo e as vítimas.

João Miguel, com ferimentos leves, foi levado até o Hospital Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo em Santana, e liberado em seguida.

Da Redação

Comentários