PNI/AL orienta sobre utilização de frascos com doses de vacinas contra a Covid-19 Cada ampola contém entre cinco e dez doses para imunizar a população

06 abr 2021 - 17:35

PNI de Alagoas orienta que ao abrir um frasco de vacina, é necessário assegurar que todas as doses sejam aplicadas (Foto: Carla Cleto / Agência Alagoas)

Com o avanço da vacinação contra o novo coronavírus em Alagoas, cada dose dos imunizantes é indispensável para combater a Covid-19. O Estado já recebeu 599.960 doses de CoronaVac e AstraZeneca enviadas pelo Ministério da Saúde (MS) e fez a distribuição de 492.132 imunobiológicos para os 102 municípios alagoanos.

A cada nova remessa de vacinas que é retirada pelas Secretarias Municipais de Saúde (SMSs), o Programa Nacional de Imunização em Alagoas (PNI/AL) emite uma nota informativa com o quantitativo de doses que serão enviadas para cada município, determina o público alvo que deve ser vacinado e também faz orientações gerais sobre a utilização das doses.

De acordo com Rafaela Siqueira, assessora técnica do PNI/AL, órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), cada frasco de vacina pode conter entre cinco e dez doses do imunizante, a depender do laboratório. E, segundo ela, a principal orientação para os municípios tem sido para não perderem qualquer dose.

“Depois de aberto um frasco, todo o conteúdo deve ser aplicado. Então, os municípios devem se organizar e somente abrir a ampola quando as pessoas de um mesmo grupo prioritário estiverem prontas para receber as doses daquele frasco. Se for o grupo dos idosos, deve ser selecionado pessoas com 60 anos ou mais. No caso dos profissionais de saúde, as Secretarias Municipais de Saúde devem selecionar outros trabalhadores de idades sequencialmente menores”, disse.

Em Alagoas, já foram aplicadas 344.701 doses de imunizantes contra a Covid-19. Do total, 277.950 pessoas receberam a 1ª dose do imunizante e outras 66.751 foram imunizadas com a 2ª dose.

Por João Victor Barroso / Agência Alagoas

Comentários