MP-AL investiga vereador por exigir parte dos salários de servidores

05 set 2018 - 07:32

MP-AL investiga o caso em Rio Largo (Foto: Sionelly Leite / Alagoas24horas)

Dois vereadores do município de Rio Largo estão sendo investigados pelo Ministério Público Estadual (MPE) acusados de improbidade administrativa dentro do Legislativo municipal. As duas portarias foram publicada no Diário Oficial do Estado, nesta quarta-feira (05).

Contra um dos vereadores, representação apresentada ao MP consta que o parlamentar exige parte dos salários de seus servidores comissionados para si mesmo, além de ilícitos praticados na indicação da nomeação de cargos comissionados, sem a devida contraprestação do trabalho por parte dos nomeados.

Já o outro vereador, foi acusado de indicar para nomeação de sua assessoria pessoas que passaram a ocupar cargo comissionado e receberam por esta função, sem a devida contraprestação de trabalho ou dando expediente na Câmara de Vereadores de Rio Largo.

Veja matéria completa no CadaMinuto

Comentários