Morre aos 93 anos, santanense Albertina Agra, irmã de “Seu Alberto da Farmácia”

02 jan 2019 - 16:11

Foto: Cortesia / Arquivo Familiar

Morreu na tarde desta quarta-feira (2), aos 93 anos, a ex-atriz de teatro e ex-comerciante Albertina Nepomuceno Agra. A santanense sofreu uma parada cardíaca após internação no hospital de Santana do Ipanema.

De acordo com informações de familiares, Albertina deu entrada no Hospital Regional Clodolfo Rodrigues de Melo no último domingo, 30 de dezembro, após sofrer uma queda em casa e fraturar o fêmur.

Na manhã desta quarta-feira (2) a idosa passou por um procedimento cirúrgico por causa da fratura. Por volta das 13h acabou sofrendo o ataque do coração e não resistiu.

Velório e enterro

O corpo de Albertina está sendo preparado para se dirigir até a Central de Velórios da Osacre, situada na Rua Delmiro Gouveia, em frente a Praça Frei Damião, no bairro Camoxinga.

A família informou ainda que o enterro vai acontecer nesta quinta-feira (3), às 16h, no Cemitério Santa Sofia, também no bairro Camoxinga.

Histórico

Albertina Agra se destacou na dramaturgia ainda jovem, quando em 1950 foi inaugurado em Santana do Ipanema o “Teatro de Amadores Augusto Almeida”.

Mais velha a santanense foi morar em Recife, onde concluiu o curso de auxiliar de enfermagem, indo depois trabalhar em Maceió, no Hospital dos Usineiros.

De volta à terra natal, Albertina passou a trabalhar na Farmácia Vera Cruz, de propriedade do seu irmão, o saudoso Alberto Agra, popularmente conhecido como “Seu Alberto da Farmácia”.

Mesmo após sua aposentadoria, Albertina sempre foi ativa, é tanto que foi uma das sócias-fundadoras e primeira Presidente do Clube da Melhor Idade Nova Vida.

Por Lucas Malta / Da Redação

Comentários