Huck pede um sistema de saúde público “descente”

07 jan 2013 - 21:22


Esperança tucana no Rio de Janeiro, Luciano Huck terá que fazer umas aulinhas de português caso queira mesmo se candidatar, nem que seja para evitar vexames no Twitter. Na rede social, ele acaba de pedir um sistema público de saúde “descente” (assim mesmo, com sc), numa mensagem que foi imediatamente multiplicada por Sabrina Sato, aquela que se vangloria do seu QI nem tão privilegiado.

Ninguém sabe ao certo se Luciano Huck, celebridade da Globo, atenderá ao chamado do PSDB para concorrer ao governo do Rio de Janeiro, conforme foi noticiado pelo jornalista Ilimar Franco, do Globo, há pouco mais de uma semana.

Mas se for realmente verdade, o garoto-propaganda terá que, antes, fazer um curso intensivo de português, para evitar vexames no Twitter. Indignado com uma reportagem do Jornal Nacional, Huck acaba de postar a seguinte mensagem: “Espero que um dia o Brasil tenha um sistema de saúde público descente e para todos #JN”.

Se era discurso de pré-candidato, faltou cuidar do vernáculo. “Descente” talvez seja um sistema de saúde em dúvida entre ser decente ou descendente – mas a palavra, simplesmente, não existe.

Por ironia ou não, a mensagem de Huck mereceu um retweet imediato de Sabrina Sato, celebridade notória por alardear o fato de ser “burrinha”.

Brasil247

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.