Homem é preso no Instituto de Identificação com documento falso Exames de papiloscopia evita fraudes e comprova tentativa de falsidade

09 out 2020 - 19:30


As análises de autenticidade de RG são realizadas na Sede do Instituto de Identificação. (Foto: Assessoria)

Um homem de 29 anos foi preso em flagrante na sede do Instituto de Identificação de Alagoas por uso de documento falso.  Um exame realizado pela equipe de papiloscopistas do órgão descobriu que o suspeito estava usando uma carteira de identidade falsificada para requerer uma certidão de confirmação de dados. 

Segundo a chefia administrativa do Instituto de Identificação, os papiloscopistas entre suas funções, são responsáveis por examinar a autenticidade de carteiras de identidades que são apresentadas no órgão como item obrigatório para solicitar certidões. Neste caso especifico, durante a análise, a equipe de papiloscopia verificou que a carteira de identidade que o referido homem apresentou era falsa, ou seja, o documento não foi confeccionado pelo Instituto de Identificação de Alagoas.

Após a confirmação da falsificação do documento, a equipe do Instituto de Identificação, acionou a polícia militar que efetuou a prisão do falsário. A guarnição Rocom 05 do 1º BPM conduziu o mesmo para a Central de Flagrantes da Polícia Civil, onde o conduzido foi autuado por falsidade ideológica e uso de documento falso. 

A emissão da certidão de confirmação de dados do arquivo civil atesta as informações registradas sobre um RG feito no Instituto de Identificação de Alagoas. Ou seja, o serviço fornece dados de documentos que constam no órgão, e se essas informações caem em mãos erradas, poderiam serem usados indevidamente para cometer diversos tipos de crimes.

Por Aarão José / Assessoria 

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.