Grupo Solar, da Coca-Cola, anuncia investimento de R$ 23 milhões em Alagoas

21 maio 2019 - 14:40

Foto: Marcio Ferreira / Agência Alagoas

O Grupo Solar, segundo maior fabricante do Sistema Coca-Cola no Brasil, anunciou nesta segunda-feira (21) que vai instalar em Alagoas uma nova linha de produção de sucos e chás gelados. A notícia foi dada pelo presidente (CEO) da empresa, Mário Veronezi, em reunião no Palácio República dos Palmares com o governador Renan Filho e secretários do governo.

A nova linha de produção será a maior do Grupo Solar no Nordeste para o segmento e ficará instalada no Benedito Bentes, parte alta de Maceió. Segundo Veronezi, a unidade terá investimento inicial de R$ 23 milhões e vai gerar 80 empregos diretos, além dos 1.100 existentes na unidade que já opera na capital.

Segundo o presidente da Solar, a nova linha começa a operar em agosto e atuará na produção de Ice Tea (chá gelado) e dos sucos Kapo e Del Valle. “Essa será a nossa segunda linha de produção no Nordeste. A primeira fica no Recife (PE), que atendia 40% de nossa necessidade. A nova unidade vai atender os outros 60% que nós trazíamos de outros Estados, mas que agora serão abastecidos via Maceió”, revelou Veronezi.

A Solar atua em todo o Nordeste, Mato Grosso e em partes dos Estados do Tocantins e Goiás. O presidente afirmou que a solidez fiscal, a organização administrativa e a política de incentivos fiscais do Governo de Alagoas passam tranquilidade ao empresariado que deseja investir no Estado.  

“Essa organização e essa continuidade de investimentos feita aqui nos levam a ter firmeza e a começar a enxergar, em longo prazo, uma boa certeza de crescimento sustentável”, declarou. A Solar conta com incentivos fiscais concedidos pelo Governo de Alagoas, por meio do Programa de Desenvolvimento Integrado (Prodesin).

Da Agência Alagoas com edição da Redação

Comentários