Fakes News publicadas nas eleições de 2018 voltam a circular em Alagoas Uma delas diz que o TSE recusou consultoria do ITA e do IME para desenvolver um modelo de urna com impressão do voto.

20 out 2020 - 10:30


Foto: Divulgação / TSE

O Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL) identificou duas notícias falsas publicadas em 2018 sobre urnas eletrônicas e que voltaram a circular em Alagoas nesse período eleitoral. As fakes news foram identificadas pelo Núcleo de Combate à Desinformação nas Eleições 2020.

Uma delas, que circula no WhatsApp, diz que o TSE recusou consultoria do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e do Instituto Militar de Engenharia (IME) para desenvolver um modelo de urna com impressão do voto. Um vídeo foi elaborado com essas informações. Na nota de esclarecimento publicada em 2018, o TSE já havia afirmado que se trata de uma informação falsa. Tanto o Exército quanto a Marinha e a Aeronáutica – bem como o próprio TSE – negaram a existência da proposta de consultoria.

O TSE informou que também foi instaurado processo administrativo para apurar a alegação e que enviou ofícios ao Exército para buscar informações sobre a suposta proposta de consultoria. Porém, o Exército destacou, em resposta, que desconhecia a origem da informação.

Veja a matéria completa no CadaMinuto

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.