Empresas podem negar atendimento a quem que não utilizar máscara

21 abr 2020 - 08:52


Empresas e profissionais liberais podem negar atendimento a consumidores que não façam uso de máscara, diz Fecomércio (Foto: Paschoal Angulo/FotosPublicas)

O Governo do Estado recomendou o uso de máscaras para toda a população alagoana e determinou o uso obrigatório da mesma por funcionários de estabelecimentos como bancos, supermercados, feiras livres e mercados públicos.

As decisões do novo decreto, publicado nesta segunda-feira (20), prolonga o isolamento social em Alagoas até o dia 05 de maios, e estabelece normas mais rígidas quanto as medidas sanitárias e até aplicação de multa em caso de descumprimento.

De acordo com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Alagoas (Fecomércio/AL), Fecomercio), logo após a publicação do decreto, empresários se mostraram preocupados com a recepção em seus estabelecimentos e questionaram se poderiam negar atendimento a pessoas que não estejam usando máscara.

A assessora técnica da Fecomércio, Andressa Targino, esclareceu que tanto os profissionais liberais, quanto as empresas podem deixar de atender consumidores que não façam uso de máscaras sob pena de estar colocando em risco os próprios colaboradores.

Veja a matéria completa no CADA MINUTO

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.