Escola sertaneja promove projeto valorizando identidade quilombola

20 nov 2019 - 08:48

Alunos participaram de projeto que valoriza cultura local (Foto: Divulgação / Pref. Poço)

Preservar os aspectos culturais de uma comunidade é uma forma de manter viva a histórica de um povo. E foi exatamente isso que fez a Escola Municipal Manoel Feitosa, situada em Poço das Trincheiras, no Médio Sertão de Alagoas.

Nesta semana, a instituição realizou o projeto “Identidade Quilombola”, no qual possibilitou uma reflexão a cerca da cultura afro, proporcionando também o resgate da história e cultura local.

Alunos apresentaram aspectos da cultura local e idosos fizeram relatos, resgatando a história das Comunidades Quilombolas Jacu e Mocó. Houve ainda exposições de objetos e demonstração pelos próprios moradores de como são produzidos os artefatos.

O projeto escolar teve apoio da Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Educação. Veja abaixo fotos:

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Realização do Projeto Identidade Quilombola na Escola Municipal de Educação Básica Manoel Feitosa. O desenvolvimento do projeto possibilitou uma reflexão a cerca da cultura afro, proporcionando também o resgate da história e cultura local. Na ocasião os alunos apresentaram aspectos da cultura local. Os idosos da comunidade se fizeram presentes, se apresentaram e contribuíram por meio de relatos orais, resgatando a história das Comunidades Quilombolas Jacu e Mocó. Houve ainda exposições de objetos da cultura local e demonstração pelos próprios moradores de como são produzidos. Alunos e funcionários da EMEB João Januário de Melo prestigiaram o evento. Prefeitura de Poço das Trincheiras #Trabalhandopravocê

Uma publicação compartilhada por Prefeitura P. das Trincheiras (@prefeituradepocodastrincheiras) em


Da Redação com Assessoria

Comentários