Equatorial AL alerta aos cuidados com rede elétrica em construções ou reformas

27 jul 2021 - 09:02

Foto: Divulgação

De acordo a Associação Brasileira das Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee), a construção civil é a atividade na qual mais acontecem acidentes envolvendo a rede elétrica no Brasil. E em alusão ao “Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho”, lembrado nesta terça-feira (27), a Equatorial Alagoas faz um alerta para os cuidados que os trabalhadores devem ter, no exercício da profissão, ao realizarem obras, construções ou reformas.

A falta de atenção somada ao desconhecimento sobre os perigos, a negligência no uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), o manuseio inadequado de ferramentas além da aproximação de obras junto à rede elétrica são fatores que podem ser fatais, caso haja contato do trabalhador com a rede energizada.

Segundo a Associação Brasileira de Conscientização dos Perigos de Eletricidade (Abracopel), em 2020 foram registrados 193 acidentes com pintores, pedreiros e eletricistas, que resultaram em 136 mortes que poderiam ter sido evitadas com informação e cuidados simples.

O executivo de segurança da Equatorial Alagoas, Bruno Pimentel, reforça que a luta para diminuição desses números é contínua e que no período chuvoso o cuidado precisa ser ainda maior, tendo em vista que água e energia não combinam e potencializam o risco de acidentes.

“Infelizmente, tem sido bastante comum ver notícias de acidentes durante o trabalho de construção ou reforma e uma das principais causas é o toque acidental na rede elétrica, seja de uma escada, andaime ou cabo de rolo de pintura. Por isso, reforçamos a importância de manter uma distância segura de no mínimo 3m da rede da Equatorial e ter atenção às atividades executadas, além de sempre fazer uso de equipamentos de proteção individual. Essas são uma das principais medidas de prevenção dos acidentes com a energia”, aponta o executivo.

Confira outros motivos de acidentes em obras:

• Construir próximo à rede elétrica, deixando o telhado sem a distância segura para fazer a manutenção;

• Colocar andaimes perto da fiação;

• Fazer ligações clandestinas ao construir ou ampliar imóveis;

• Usar máquinas de grande porte, como tratores e retroescavadeiras, nos arredores da rede;

• Instalar antenas no mesmo lado onde está a rede de energia;

• Se apoiar nos fios ou na parte superior de postes;

• Não tomar os devidos cuidados com a altura, para evitar quedas;

• Arremessar cabos sobre a rede elétrica, mesmo que encapados, pois a capacidade de isolamento do material pode não ser suficiente para evitar a passagem da eletricidade.

A Equatorial Alagoas orienta ainda que se alguém for vítima de choque elétrico dentro da unidade consumidora, não se deve tentar tocar na pessoa que está recebendo a descarga. A melhor forma de ajudar é desligando o disjuntor ou a chave geral e ligar para emergência no 193 ou 192. Além das orientações já mencionadas, é preciso acionar a distribuidora pelo telefone 0800 082 0196 para que seja feito o desligamento da energia.

Por Assessoria / Equatorial Alagoas

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.