Em Santana, vereador alfineta colegas: fiscalizem! Quem tem que fazer é o Executivo

16 jun 2017 - 12:17

Fala aconteceu após seus antecessores reclamarem de serviços de responsabilidade do Executivo.

Vereadores debateram sobre a atuação parlamentar (Fotos: Lucas Malta / Alagoas na Net)

Os parlamentares da Câmara de Vereadores de Santana do Ipanema realizaram nesta sexta-feira (16) mais uma de suas sessões ordinárias. E entre um discurso e outro na tribuna, um vereador decidiu chamar a atenção para a fala de seus colegas.

O caso aconteceu ao final dos reclames dos vereadores Marciano dos Santos (PPS) e Jacson Chagas (PPS). Ambos reivindicavam solução para diversos buracos que estão espalhados pela cidade e outros assuntos de competência do Executivo.

Ao termino das falas o vereador José Vaz (PP) decidiu se juntar ao coro dos colegas, mas aproveitou o espaço também para passar um recado. “Acho que os vereadores aqui estão fazendo seu trabalho. Fiscalizado e cobrando. Entretanto, me preocupa quando ouço um colega dizer: se não fizer, eu faço. Isso faz parecer que o vereador tem dinheiro”, explicou ele.

O edil continuou seu discurso, aproveitando para lembrar que já foi presidente daquele poder. “O vereador não tem que fazer nada, ele tem que cobrar. Fiscalize! Quem tem que fazer é o Executivo”, avisou.

O discurso de Zé Vaz logo teve a reação dos colegas, um deles o parlamentar psolista. “Diante da fala do colega, devo esclarecer que acho que fui mal interpretado. Quando eu disse aqui que fiz uma ponte, quis falar que intermediei os moradores para ter acesso a uma maquina. Que fique claro que vereador não tem condições de fazer o serviço que é do Executivo”, comentou Jacson Chagas.

Após ouvir o companheiro do Legislativo, Zé Vaz aproveitou para falar dos rendimentos que ele e os outros vereadores recebem. “O vereador tem um salário que não é bom. Quem chega aqui achando que essa Casa tem rios de dinheiro se decepciona. É um salário que é pequeno”, concluiu o político.

Por Lucas Malta / Da Redação

Comentários