Em entrevista, Mário Silva fala sobre transição e equipe de governo

05 dez 2012 - 00:58


Foto: Lucas Malta

Prefeito eleito por Santana do Ipanema nas eleições de 7 de outubro deste ano, o professor Mário Silva, concedeu uma entrevista exclusiva ao Alagoas na Net na tarde desta terça-feira (4).

Entre os principais  assuntos que estão na boca do povo santanense, Mário Silva falou sobre transição, equipe de governo e expectativa de desenvolvimento para Santana do Ipanema no próximo quadriênio 2013/2016.

Veja abaixo a entrevista completa concedida ao site:

 

TRANSIÇÃO

 

ALAGOAS NA NET Em relação à transição de governo: o senhor já formou a equipe e deu início aos trabalhos?

MÁRIO SILVA – Ainda não começamos a transição, apenas informamos à gestora, as equipes as quais deverão ficar a par de toda a situação em que se encontram cada secretaria na atual gestão. Fizemos grupos de quatro pessoas, onde em cada grupo se encontra um secretário municipal da cidade de Arapiraca.

ALAGOAS NA NET – Secretários de Arapiraca, como assim?

MÁRIO SILVA – Devido à nossa grande parceria com o prefeito da cidade de Arapiraca, Luciano Barbosa, conseguimos suporte direto com os atuais secretários do seu governo, onde os mesmo deverão orientar o grupo de transição para assimilar as informações passadas pela equipe da prefeita.

ALAGOAS NA NET – Por que a decisão em pedir ajuda de pessoas de outro município para ajudar nesse processo?

MÁRIO SILVA – A escola boa é aquela que tem bons professores, e acredito que já foi dado exemplos de que Arapiraca tem bons professores. Acho que essas pessoas que me foram oferecidas podem ser de grande ajuda para orientar nossa equipe aqui em Santana.

 

O PRIMEIRO ESCALÃO

 

ALAGOAS NA NET – A maioria dos prefeitos que estão passando pelas transições de governo já tem anunciado a composição de sua equipe, a exemplos de Canapi e Piranhas, assim como Santana, cidades do Sertão. Contudo o senhor ainda tem se resguardado em comentar sobre os novos nomes, por quê?

MÁRIO SILVA – Acho que só irei divulgar esses nomes no dia da posse (risos). Creio que a escolha do secretariado é uma coisa muito pessoal do administrador, pois são cargos de confiança.

ALAGOAS NA NET – Mas o senhor já escolheu todos os nomes?

MÁRIO SILVA – Ainda não. Já decide por alguns, mas outros ainda estão sendo avaliados. Houve pessoas até que recusaram o convite, quando os chamei para tomar conta de uma pasta.

ALAGOAS NA NET – A escolha para compor as secretarias, foi realizada de modo técnico ou de modo político? E por quê?

MÁRIO SILVA – Quero escolher as pessoas que tenham capacidades e trabalhem bem, mas claro que temos nossos aliados. Acho que a escolha deve passar por um misto, entre o técnico e o político.

ALAGOAS NA NET – Há alguma possibilidade de o senhor escolher algum nome que não seja de Santana do Ipanema, para compor seu secretariado?

MÁRIO SILVA – Não.

ALAGOAS NA NET – Nós sabemos que cada prefeito pode escolher a melhor forma de dividir os trabalhos dentro da prefeitura, podendo alterar ou manter a existência de qualquer secretaria. Em Santana, hoje existem sete pastas, qual sua pretensão sobre isso?

MÁRIO SILVA – Inicialmente eu pretendo manter a estrutura da forma que está, pois do contrário geraria mudanças nos gastos, e a orientação da CNM (Confederação Nacional dos Municípios) e de outros órgãos é que se faça o mínimo de despesas possíveis, pois a coisa deve “ficar preta” no primeiro semestre de 2013.

ALAGOAS NA NET – Durante o período eleitoral, membros do grupo político do senhor chegaram a despertar o interesse em haver uma separação da Diretoria de Cultura, a qual é vinculada a Secretaria de Educação, e criar a Secretaria de Cultura, de modo que as duas se tornem independes, principalmente em relação à cultura, que, segundo os próprios correligionários sempre recebeu menor atenção por parte dos gestores. O que o senhor pensa sobre isso?

MÁRIO SILVA – Até tenho essa pretensão, mas não no início, pois como falei a situação não nos permite fazer grandes mudanças. Na verdade tenho muitos projetos para serem iniciados, mas tenho que ver como vão andar as coisas nos primeiros meses de governo.

ALAGOAS NA NET – Nos últimos dias vários nomes têm surgido nos bastidores e até na imprensa local para compor seu secretariado, a exemplo da área da saúde, quando foi divulgado que o senhor poderia nomear Sival Clemente, ex-diretor do Hospital Arsênio Moreira, para a Secretaria Municipal de Saúde. O senhor confirma esse nome, ou, pelo menos houve algum contato nesse sentido?

MÁRIO SILVA – Eu nunca cogitei a possibilidade do Sival vir a Santana assumir uma secretaria. O que aconteceu é que houve uma oportunidade em que eu o visitei a fim de trocar informações sobre o Hospital Clodolfo Rodrigues, daí se gerou este boato.

ALAGOAS NA NET – Em diversos governos, sejam eles municipais, o vice sempre acaba se apresentando como uma peça importante na equipe de governo. Em Santana, temos exemplos recentes, tais como a ex-vice-prefeita Linda, que foi secretária de assistência social e de saúde e o ex-vice-prefeito Everaldo Cavalcante, que também assumiu a pasta da saúde. Há rumores de que o seu vice, Adenilson Oliveira, deve ocupar a pasta de agricultura, isso procede?

MÁRIO SILVA – Não. A curiosidade sobre o secretariado vai ficar somente na curiosidade (risos).

 

A PARTIR DE 2013

 

ALAGOAS NA NET – Alegando diminuição de despesas, a prefeita já demonstrou que deve, até o fim do ano, enxugar ao máximo a máquina administrativa, através de cargos e funções, e sabemos que apesar do concurso público a prefeitura ainda deverá contar com um numero expressivo desses cargos e funções, através de contratos. Em relação a isso, o senhor pretende renovar contratos com os profissionais existentes, ou já tem em mente novas pessoas para compor sua gestão a partir de janeiro de 2013?

MÁRIO SILVA – Eu estou informado de que no dia 14 de dezembro a prefeitura encerra todos os contratos temporários, então a partir de janeiro estarei livre pra realizar novos contratos, contudo temos algumas áreas que poderão não haver remanejamento, pois nem toda pessoa poderá ocupar alguns cargos específicos.

ALAGOAS NA NET – Analisando os últimos governos em Santana do Ipanema, vemos que alguns acabam se assemelhando na forma de manter o contato com a população. Podemos citar como exemplos os governos de Paulo Ferreira e Marcos Davi, como administrações que acabaram tendo uma postura, digamos “assistencialista”, diferente dos governos Nenoí Pinto e Renilde Bulhões, que descentralizaram as ações na prefeitura e distribuíram para as devidas secretarias, diminuindo a procura pelo gestor. Sobre isso, como o senhor avalia que será o perfil do seu governo?

MÁRIO SILVA – O que for de competência das secretarias vai para as secretarias, mas vai haver coisas que pessoalmente irei fazer. Eu sou do meio do povão, então não posso me afastar dele.

ALAGOAS NA NET – Alguns novos gestores já estão reclamando antes mesmo de assumir, alegando que a chamada “crise” deverá atingir seus governos. Em Santana do Ipanema, sabe-se que o orçamento para 2013, deverá contar com um acréscimo de 10 milhões de reais, além disso, a prefeita Renilde declarou atualmente que já inscreveu o município a fim de receber novos projetos do Governo Federal, que deverão surgir no seu governo. Diante disso, o senhor espera assumir o município em uma boa situação?

MÁRIO SILVA – Segundo a prefeita, ela está aprontando tudo pra deixar tudo “ok”. Devo dar continuidade em tudo o que foi feito de bom e correr atrás de mais coisas para o nosso município. Quanto ao orçamento, o valor estipulado não se refere a dinheiro real, mas sim numa previsão. Os estudos de alguns órgãos é que, com a queda dos repasses esses recursos possam até não vir completamente, mas também temos a possibilidade de que outros recursos também possam vir. Quando se fala em 90 milhões pensa-se em muito dinheiro, mas comparado aos problemas que Santana passa, esse dinheiro se torna pouco.

ALAGOAS NA NET – É nítida a sua ligação e apoio com os líderes políticos da cidade de Arapiraca, evidenciado ainda mais agora com esta futura transição. Gostaria de saber se, com toda essa parceria o senhor acredita que Santana possa, durante o seu governo, ter um desempenho e desenvolvimento similar à cidade do Agreste, que já foi considerada a cidade que mais cresce no Brasil.

MÁRIO SILVA – Arapiraca é uma cidade grande, que recolhe muito mais que Santana, historicamente ela é mais desenvolvida. Como a gente tem exemplos de administrações fantásticas, como foram a de Célia Rocha e de Luciano Barbosa, nada mais justo do que se espelhar em coisas boas. A equipe que me ajuda na transição, por exemplo, não vem aqui pra trabalhar em Santana, vem aqui pra dar uma ajuda, sem nenhum custo financeiro, para a minha futura equipe. Eu devo me orientar bastante com o atual prefeito Luciano Barbosa, quem me dera ser apenas parecido com o seu governo em Arapiraca.

Da redação

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.