É falso e-mail que pede atualização de assinatura eletrônica da Caixa Econômica Em nota, o banco disse que não envia e-mails ou mensagens pedindo informações, nem realiza ligações para os cidadãos

25 Maio 2020 - 12:13

Foto: Divulgação

Um e-mail, supostamente enviado pela Caixa Econômica Federal, pedindo a atualização da assinatura eletrônica está sendo recebido por várias pessoas. Segundo o texto do e-mail, o procedimento seria obrigatório e motivado pela pandemia de coronavírus. A Caixa alerta que a informação é falsa. Em nota, o banco disse que não envia e-mails ou mensagens pedindo informações, nem realiza ligações para os cidadãos.

O e-mail falso diz: “Devido ao isolamento social pelo surto do novo coronavírus, a Caixa Econômica Federal solicita uma atualização obrigatória da sua Assinatura Eletrônica. Para confirmar utilize abaixo o botão CONFIRMAR e efetue a validação”.

A Caixa Econômica faz um alerta para que o cliente não clique em links enviados em nome da instituição: “Qualquer tentativa de contato com o cidadão caracteriza-se como uma tentativa de fraude e deve ser desconsiderada, bloqueada e reportada aos órgãos fiscalizadores competentes”, diz a nota.

Órgãos do Governo, Polícia Federal, lojas de aplicativos e a própria Caixa monitoram e bloqueiam serviços falsos, criados com o intuito de causar danos ou golpes à população. De acordo com dados repassados pelo banco, 60 sites e aplicativos fraudulentos foram desativados em pouco menos de um mês.

A orientação é que o cidadão fique atento aos aplicativos e serviços oferecidos em meios não oficiais sobre o Auxílio Emergencial e a pandemia do coronavírus, sobre registro para receber vacinação e itens de proteção, como máscaras e álcool em gel, e até mesmo sobre o agendamento para testes de Covid-19.

“É muito importante que os cidadãos utilizem única e exclusivamente os canais oficiais da CAIXA ou do Governo para buscar informações e acesso aos serviços. Neles são utilizados fatores complementares de segurança baseados em informações, código de verificação, além do próprio dispositivo para garantir o devido nível de segurança do processo”, enfatiza o banco.

Alagoas Sem Fake

Com foco no combate à desinformação, a editoria Alagoas Sem Fake verifica, todos os dias, mensagens e conteúdos compartilhados, principalmente em redes sociais, sobre assuntos relacionados ao novo coronavírus em Alagoas. O cidadão poderá enviar mensagens, vídeos ou áudios a serem checados por meio do WhatsApp, no número: (82) 98161-5890. Clique aqui para enviar agora.

Por Agência Alagoas

Comentários