Curso de Pedagogia do Campus do Sertão da Ufal ganha brinquedoteca Atividades vão contemplar crianças da comunidade acadêmica e serão voltadas para colaborar com formação dos alunos.

Manuella Soares / Ascom Ufal

24 abr 2023 - 11:20


Foto: Ascom / Ufal

Lúdico e pedagógico. O Laboratório Brinquedoteca da Ufal no Campus do Sertão será inaugurado na próxima quinta-feira (27), a partir das 9h30, em Delmiro Gouveia. Vinculado ao curso de Pedagogia, as atividades no espaço pretendem contribuir para a formação dos estudantes e para o desenvolvimento das crianças da comunidade acadêmica.

“Será um espaço formativo para os estudantes do curso de Pedagogia. As experiências pedagógicas das disciplinas contemplarão atividades para crianças entre 3 a 7 anos, filhos de alunos e servidores em geral. Estamos entusiasmadas, felizes e ansiosas para a efetivação desse momento tão aguardado”, comentou a coordenadora do curso, Lílian Kelly de Almeida.

A professora, também responsável pela coordenação da Brinquedoteca, defende o modelo como laboratório prático do curso e elaborou um documento fundamentado sobre as características que contribuem para a formação dos alunos de Pedagogia. Com isso, conseguiu revitalizar o lugar que já existia no campus para concretizar o projeto.

“Piaget nos recorda que ‘por meio de uma atividade lúdica, a criança assimila ou interpreta a realidade’, o que reforça a grande função da Brinquedoteca no que se refere ao seu cunho crítico e reflexivo para a formação do pedagogo”, salientou a professora Mayara Teles.

E completou: “Como coordenadora de projetos, estarei empenhada em realizar estudos, reflexões, discussões, reuniões com os monitores e técnico educacional a fim de construir colaborativamente os projetos, planos de atividades e práticas pedagógicas que serão desenvolvidos no laboratório”.

Foto: Ascom / Ufal

Preparando o caminho

Desde 2019, quando Lílian assumiu a coordenação do curso ela se empenha em transformar o espaço que já existia. Em 2020, com a pandemia, o sonho foi adiado, mas a ideia fortalecida. Ela aproveitou o tempo para montar um time e preparar as ações.

Com a realização do curso Formando Brinquedistas, a equipe elaborou atividades nas disciplinas de educação infantil, voltadas para o espaço, assim como, alguns eventos que destacavam a importância de preparar um grupo afinado, qualificado para organizar com coerência o espaço.

Além de Lílian e Mayara, a reforma da brinquedoteca teve o empenho das professoras Ana Paula Solino, Ana Maria dos Santos, Noélia Rodrigues e Ana Cristina Santos. A chegada da técnica Eliane Fábia, ex-aluna do curso, reforçou o time que sempre acreditou no propósito do laboratório.

“Todo o cuidado com as cores, a delimitação do espaço, e a composição dos brinquedos foi pensado para que crianças da comunidade acadêmica possam usufruir do espaço com entusiasmo”, disse a coordenadora.

Investimentos

Os recursos para a reforma da brinquedoteca foram destinados desde 2020 pelo processo de compras do PAC da Ufal, assim como verbas advindas de emendas do deputado federal Paulo Fernandes do Santos, o Paulão, e doações de docentes e discentes do Campus do Sertão. Alguns brinquedos foram comprados no ano passado e a equipe aguarda a chegada.

“Claro que faltam materiais, principalmente de consumo, mas, não é empecilho para nós, pois também realizamos atividades manuais nas disciplinas que contribuem para o processo de formação dos nossos discentes”, explicou Lílian.

As professoras aguardam o momento da inauguração com entusiasmo e enaltecem também o apoio da direção do campus. “Partindo de muito estudo, processo de estruturação física e dos documentos pedagógicos que definem e organizam o funcionamento do laboratório, assim como as doações advindas dos colegas professores, e o investimento possível do campus, foi possível chegar ao momento da tão esperada abertura do atendimento à comunidade”, reforçou Mayara.

Comentários