Clientes da Casal terão que regularizar débitos antes de solicitar novas ligações

20 nov 2012 - 08:13

Os clientes com débitos na Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) que desejarem fazer novas ligações de água ou esgoto ou restabelecer ligações desativadas terão que regularizar totalmente a situação antes disso.

A medida está em vigor desde o dia 1º de novembro, por meio de uma Resolução de Diretoria, e faz parte do novo Sistema de Informática Integrado em Gestão do Saneamento (GSAN), que entra em operação em dezembro.

Com isso, segundo o diretor presidente da Companhia, Álvaro Menezes, o procedimento será semelhante ao que já é adotado pela Eletrobras em Alagoas. “Assim, os serviços comerciais serão mais completos e ágeis. Por meio do GSAN, também teremos mais confiabilidade nas informações cadastrais, mais controle sobre o pagamento das faturas mensais e das penalidades”, citou o presidente.

A principal inovação do novo sistema será o modo de cobrança, no qual o débito a existir será atrelado ao CPF/CNPJ do usuário, não mais ao imóvel, resolvendo, assim, um dos mais velhos problemas, que é a responsabilidade do proprietário por débitos oriundos de inquilinos. “Apesar de já está havendo a identificação com CPF/CNPJ, com o GSAN o controle será mais rápido”, frisou Menezes. O novo sistema facilita também à empresa na efetivação do corte/desligue-se, através de negativação no SPC/Serasa.

Assessoria

Comentários