Blocos se preparam para fazer prévias carnavalescas em Santana do Ipanema

26 jan 2017 - 01:07


Pelo menos duas agremiações já conhecidas e uma “novidade” são esperadas para as prévias deste ano no município.

Bloco Gema do Pinto é um dos primeiros a sair às ruas (Foto: Divulgação)

Bloco Gema do Pinto é um dos primeiros a sair às ruas (Foto: Divulgação)

Integrantes de três blocos carnavalescos da cidade de Santana do Ipanema já estão se preparando para colocar seus foliões nas ruas. Dois deles já fazem parte do roteiro anual da folia de momo, mas uma “novidade” deve integrar as prévias carnavalescas do município sertanejo.

A primeira turma a entrar no clima do frevo é uma das agremiações mais recentes, mas que tem ganhado popularidade desde que decidiu fazer uma homenagem ao bloco mais famoso da cidade de Maceió. Estamos falando do “Gema do Pinto”, uma velha referência ao bloco Pinto da Madrugada.

Os santanenses Abdon Marques, o popular “Nenen” e Thiago Oliveira são dois dos idealizadores do evento, marcado para ir às ruas no dia 19 de fevereiro. Thiago diz que neste ano o bloco vai para sua 5ª edição.

“Vamos concentrar no Bellus Hotel, a partir das 10h e sair por volta das 14h. Teremos orquestra e paredão de som”, avisa o folião santanense.

Novidade, mas nem tanto

Bloco das Tolinhas volta a integrar o Carnaval de Santana (Foto: Divulgação)

Bloco das Tolinhas volta a integrar o Carnaval de Santana (Foto: Divulgação)

Além da “Gema do Pinto”, outro grupo de santanenses decidiu reativar um antigo bloco e voltar a aproveitar a folia. Trata-se do bloco “As Tolinhas”, um grupo prioritariamente formado por mulheres e que deve ter seu desfile no dia 23.

Segundo contou uma das organizadoras, “As Tolinhas” voltam a ativa após alguns anos paradas. “O bloco já saiu uns cinco carnavais, ainda na época em que os grupos iam daqui para as festas de Piranhas e Pão de Açúcar. Agora retomamos a idéia e vamos aproveitar o Carnaval”, contou a servidora pública e integrante do bloco, Selma Campos.

Campos também ressalva que apesar das camisas só serem vendidas para o público feminino, como todo o desfile não vai contar com corda ou qualquer outro equipamento que separa o público, amigos e companheiros das participantes podem integrar o grupo durante todo o percurso.

O bloco feminino também vem a suprir a carência de outro grupo conhecido na cidade, o “Santana dos Meus Amores”, que até ano passado promovia desfile nos mesmos moldes, mas neste ano não tem evento programado.

Carcará na Folia

Carcará completa 20 anos no Carnaval de Santana (Foto: Alagoas na Net / Arquivo)

Carcará completa 20 anos no Carnaval de Santana (Foto: Alagoas na Net / Arquivo)

Por fim, mas não menos importante, está um dos blocos mais tradicionais de Santana do Ipanema.

O grupo foi idealizado e criado por profissionais que desempenham um papel fundamental para o bom andamento e organização do Carnaval de qualquer cidade do país. Trata-se do “Carcará na Folia”, um bloco fundado por policiais militares do 7º Batalhão de Polícia Militar.

O seu mais ilustre e conhecido integrante, o policial aposentado Antônio Cajueiro conta que este ano a agremiação completa duas décadas de existência.

“Nosso intuito é levar alegria para aquele servidor que durante o ano todo trabalha, mas também tem direito de pular o carnaval”, conta Cajueiro.

O servidor aposentado avisa que o bloco sairá nas ruas no dia 24 de fevereiro e pode levar mais de 1.500 pessoas para a folia. “Ano passado vendemos 1.850 camisas, e neste ano já passamos as 1.500. Quem sabe este ano não cheguemos as duas mil”, indaga o sertanejo.

Por Lucas Malta / Da Redação

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.