Banco do Nordeste prevê orçamento de R$ 695 milhões para investimentos em AL

21 out 2016 - 17:15

Programação regional do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste contou com a participação de instituições públicas e privadas.

Parceria entre Estado e Banco do NE é fundamental para fomentar novos empreendimentos e gerar novos postos de emprego para os alagoanos (Foto: Arquivo/Agência Alagoas)

Parceria entre Estado e Banco do NE é fundamental para fomentar novos empreendimentos e gerar novos postos de emprego para os alagoanos (Foto: Arquivo/Agência Alagoas)

Gestores da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) participaram de reunião na Casa da Indústria, nesta quinta-feira (20), para a elaboração do orçamento do Banco do Nordeste (BNB) para 2017.

A programação regional do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) contou com a participação de representantes do Governo do Estado, de setores privados e da sociedade civil organizada, que analisaram e discutiram a alocação de recursos do Banco.

De acordo com o superintendente do BNB em Alagoas, Antônio Cesar de Santana, o orçamento para 2017 deve girar em torno de R$ 695 milhões.

“Discutir a alocação de recursos do FNE para 2017 com um público qualificado é fundamental, para que possamos utilizá-los de forma correta e democrática e garantir que Alagoas diversifique o seu modal econômico e industrial”, disse Antônio César.

Durante o encontro, o gerente de Relações com o Mercado da Sedetur, Andrey Gameleira, apresentou o trabalho de prospecção realizado pela Sedetur ao longo da gestão Renan Filho, que atraiu 91 novos negócios para Alagoas, os quais representam um investimento de R$ 3,1 bilhões e a geração de mais de 3 mil novos postos de empregos diretos.

“A continuidade da parceria do Governo de Alagoas com o Banco do Nordeste é fundamental para fomentar os novos empreendimentos que estão chegando ao Estado e, consequentemente, gerar novos postos de emprego para centenas de alagoanos”, afirmou Andrey Gameleira.

Durante os últimos cinco anos, o Banco do Nordeste aplicou R$ 6,5 bilhões em Alagoas. Dentro do orçamento previsto para 2017, o FNE deve destinar R$ 253 milhões à indústria e R$ 50 milhões ao turismo do Estado.

Por Cecília Tavares / Agência Alagoas

Comentários