Baixo São Francisco recebe mais de R$ 1 milhão para agricultura familiar Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) atenderá aproximadamente 2 mil famílias em 10 municípios alagoanos.

24 out 2020 - 13:18

Lançamento do PAA em Arapiraca, na última quarta-feira ( 21) (Foto: Ascom Emater)

Sempre pensando em estimular a participação dos agricultores familiares e suas organizações, o Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável (Emater) dá continuidade ao Programa de Aquisição de Alimentos 2020 (PAA), desta vez, será contemplada a Supervisão Regional do Baixo São Francisco.

O evento acontecerá na Quadra de Esportes René Bertholet Colônia Pindorama, na próxima segunda-feira (26), às 10h.

Nesta região serão investidos R$ 1.350.000 para aproximadamente 10 municípios, 53 unidades recebedoras, 250 agricultores familiares e 2 mil famílias.

O PAA vem contribuindo para a melhoria de renda com inclusão produtiva, por meio da ampliação da atuação dos agricultores familiares e de suas organizações, integrando as ações de produção, beneficiando e agregando valor para o acesso aos mercados comuns e compras públicas.

Os recursos foram distribuídos da seguinte maneira: R$ 486 mil para Coruripe, onde serão atendidas cerca de 750 famílias; R$ 162 mil para [cada] São Sebastião (250 famílias) e Penedo (250 famílias); R$ 135 mil para Teotônio Vilela, com 175 famílias atendidas; R$ 118.800 para Junqueiro, com 150 famílias; R$ 108 mil para Igreja Nova, também com 150 famílias; R$ 86.400 para Porto Real do Colégio, com 125 famílias; R$ 48.600 para Piaçabuçu, com 50 famílias; R$ 27 mil para Feliz Deserto, com 50 famílias; e R$ 16.200 para Jequiá da Praia, também com 50 famílias.

Programa de Aquisição de Alimentos 2020

Ao todo, serão investidos R$ 9,8 milhões nesta primeira fase por meio de uma parceria entre o Ministério da Cidadania e o Governo de Alagoas [via Emater], para beneficiar 100 mil famílias, 1.800 agricultores familiares, 232 unidades recebedoras, em 83 municípios alagoanos.

“O PAA é uma importante política de valorização da agricultura familiar, de segurança alimentar, geração de renda e dinamização da economia”, salientou o diretor-presidente da Emater, Adalberon Sá Júnior.

Entre as cadeias produtivas estão a fruticultura, horticultura, grãos, raízes, tubérculos e avicultura.

Por João Arthur Sampaio / Agência Alagoas

Comentários