Alunos da Ufal no Sertão criam calendário homenageando personalidades negras Material pode ser baixado gratuitamente nas redes sociais do grupo cultural Abí Axé Egbé.

Ascom / Ufal

13 jan 2022 - 11:37


Foto: Divulgação

Aprender mais, durante todo o ano, sobre a vida de personalidades negras alagoanas que dedicaram a vida à luta antirracista. Esse é o foco do calendário e do planner 2022 criados por estudantes do curso de licenciatura em História do Campus do Sertão da Universidade Federal de Alagoas.

A equipe responsável pela elaboração do material é matriculada na disciplina Atividade Curricular de Extensão (ACE-1) e participa do Grupo de Cultura Negra do Sertão Abí Axé Egbé, um equipamento cultural da Ufal. O material pode ser baixado gratuitamente nas redes sociais do projeto ou neste link.

O professor Gustavo Gomes é diretor do grupo cultural e coordenou a atividade. Ele conta que a produção do calendário já era uma iniciativa do Abí Axé Egbé e, com a curricularização da extensão, surgiu a proposta de ampliar o acesso do material para a comunidade. Na edição de 2022, o calendário e o planner apresentam heróis e heroínas de Alagoas.

“É uma forma de propor para as pessoas uma reflexão afrocentrada durante o ano todo, não apenas no mês da Consciência Negra. Propor que aprendam sobre outros marcos temporais, que não são aqueles eurocentrados, marcando o tempo em perspectiva negra, a partir de memórias culturais negras”, destacou Gomes, emendando com a comemoração: “O resultado ficou lindo, sensível e robusto. É um índice de que o processo de curricularização da extensão acadêmica tem dado certo”.

O professor explica que na disciplina ACE-1 são feitas leituras e debates sobre relações raciais no Alto Sertão Alagoano, bem como produção de conteúdos digitais e materiais didáticos para serem socializados. Os produtos construídos durante essa experiência pedagógica articulam extensão, ensino e pesquisa.

Durante as atividades da disciplina, o grupo pesquisou, leu e debateu histórias, imagens e biografias das personalidades homenageadas. Os materiais foram produzidos pelos discentes da graduação, sob a supervisão das pesquisadoras do Abí Axé Egbé, Alice Mendes e Ellen Santos.

“Buscou-se contemplar personalidades negras, compreendidas como heróis e heroínas, que construíram importantes legados antirracistas em diferentes áreas, tais como política, movimentos sociais, artes, religião, saúde, educação e LGBTQIA+. Também houve o cuidado de mostrar referências de diferentes mesorregiões do estado de Alagoas, como Sertão, Agreste, Zona da Mata e da capital”, disse.

Gomes faz questão de ressaltar que o material vai além da utilidade para organizar as atividades diárias e que deve ser visto como um importante instrumento pedagógico. “Não é só um objeto utilitário para marcar o tempo, agendar-se em seus compromissos. Vai além! Tem uma função pedagógica e política, ensinando sobre a memória cultural negra de Alagoas”, justificou.

E acrescenta: “São pessoas com vida dedicada à luta antirracista e que deixaram um legado para posteridade. É uma forma de dar visibilidade a negros e negras de Alagoas como heróis e heroínas para além de Zumbi dos Palmares”.

Ele reforça que o uso do calendário permite “reaprender a partir de datas comemorativas e reflexivas da comunidade negra no Brasil” e também divulga a existência dessas personalidades. “Elas precisam ter suas memórias reconhecidas, valorizadas, divulgadas, salvaguardadas e internalizadas afetivamente. As pessoas precisam reconhecer e valorizar essas pessoas negras. Ter afeto por essas personalidades”, enfatizou.

Mais sobre o Abí Axé Egbé

O Grupo de Cultura Negra do Sertão Abí Axé Egbé é um equipamento cultural da Ufal, sendo o primeiro em um campus do interior, sediado no município de Delmiro Gouveia. Promove estudos, pesquisas, debates, produtos científicos e pedagógicos, eventos, oficinas e apresentações artísticas com foco nas relações raciais e na cultura afro-brasileira.

Para saber mais sobre o Abí Axé Egbé, baixar o calendário e o planner, acesse as redes sociais no Instagram (@abiaxeegbe_oficial), Facebook e Youtube (Abí Axé Egbé).

Comentários


Importante! Este site utiliza cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes. Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.