Ação visa garantir assistência imediata e preparar cidade para o futuro, diz promotor

01 abr 2020 - 13:18

Santana do Ipanema (Foto: Lucas Malta / Alagoas na Net / Arquivo)

O Promotor de Justiça Paulo Zacarias, titular da Comarca de Santana do Ipanema, falou nesta quarta-feira (1) sobre a ação civil pública movida pelo Ministério Público de Alagoas em conjunto com a Defensoria Pública contra a Prefeitura local, um dia após a enchente que abalou a cidade sertaneja.

Em vídeo divulgado pela assessoria de imprensa do MP-AL, Zacarias explica que a ação tem dois objetivos principais, um deles garantir a assistência imediata aos moradores atingidos pela enchente do Rio Ipanema e o outro estruturar a cidade de Santana para eventos futuros dessa magnitude.

Em contato com o site Alagoas na Net, o promotor ressaltou que o município tem o prazo de 5 dias para responder aos questionamentos e indicar as medidas que estão sendo tomadas. Como a ação foi movida ontem, ele disse que ainda aguarda os representantes do Poder Executivo.

Veja abaixo o vídeo gravado pelo representante do MP:

Por Lucas Malta / Da Redação 

Comentários