17 pessoas são presas acusadas de praticar tráfico de drogas no Agreste de Alagoas

10 mar 2020 - 09:43


Os presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Palmeira dos Índios (Foto: Assessoria / PC-AL)

Dezessete pessoas foram presas nas primeiras horas desta terça-feira (10), acusadas de integrar uma quadrilha especializada em tráfico de drogas e outros crimes. As detenções ocorreram nas cidades de Palmeira dos Índios e Arapiraca, no Agreste de Alagoas, além de Bom Conselho, município de Pernambuco.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de Alagoas, responsável pela operação denominada ROTA 115, todos os presos foram alvos de mandado de prisão, expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital. Uma prisão ocorreu em Arapiraca, uma em Bom Conselho (PE) e 15 em Palmeira dos Índios.

De acordo com as investigações promovidas, a organização recebia drogas de fornecedores do município de Arapiraca, que transportavam os entorpecentes até Palmeira dos Índios pela rodovia AL-115, daí o nome da operação.

Participaram do cumprimentos dos mandados o Batalhão de Operações Especiais (BOPE), Batalhão de Trânsito (BPTran), o Comando de Policiamento do Interior (CPI), 3° e 10° Batalhão, Grupamento Aéreo, DEIC, GPJ2, além de equipes do Tigre, Asfixia e da Delegacia de Narcóticos.

Os presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Palmeira dos Índios, para os devidos procedimentos, que estão sendo lavrados pelo delegado Gustavo Henrique. Posteriormente, os presos serão encaminhados ao Presídio do Agreste, em Craíbas.

A SSP-AL informou ainda que a população pode contribuir com o trabalho, repassando informações sobre organizações criminosas por meio do Disque Denuncia – 181. A ligação é gratuita e o sigilo garantido.

Da Redação com Assessoria SSP-AL

Comentários